quinta-feira, 13 de Novembro de 2008

O EUROTÚNEL, TÚNEL DA MANCHA

Quando decidimos visitar a Grâ-Bretanha (2001) e a Irlanda (2006), tivemos que utilizar o Eurotùnel para a travessia do canal da Mancha, hoje vamos percorrer a história e alguns dados curiosos desta obra importantissima.



O Eurotúnel, Túnel da Mancha, é um túnel ferroviário submarino que liga a França à Inglaterra. A sua construção foi bastante demorada e o início das obras sofreu alguns adiamentos até a sua efectiva inauguração em 1994.
Um pouco de história
Em 1802, o engenheiro francês Matthieu Favier fez uma proposta para a construção de um túnel: os passageiros atravessariam o túnel em carruagens puxadas por cavalos; o caminho seria iluminado por lanternas de óleo e uma ilha a meio do túnel forneceria ar fresco para os cavalos. O custo, mesmo nessa altura, seria de um milhão de libras.


Em 1875, Peter Barlow, construtor do primeiro caminho de ferro subterrâneo, sugeriu que se colocasse um tubo de aço gigantesco flutuando sobre o canal. A ideia foi rejeitada.

Em 1876 são levados a cabo extensos estudos geológicos.

Em 1880 a companhia ‘’South Eastern Railway’’ faz perfurações experimentais do lado inglês.

Em 1881 uma máquina de perfurações ‘’Beaumont’’ escava um túnel de 820 metros ao longo dos penhascos do lado inglês.

Em 1922 começam novamente escavações do lado inglês, mas após estarem feitos 128 metros de túnel, foram lançadas objecções políticas e as obras pararam mais uma vez.

Foi só após o fim da Segunda Guerra Mundial que os técnicos acreditaram que o conhecimento tecnológico existente era o suficiente para a construção do túnel e começaram a dar-lhe a devida atenção.

A Construção

A escavação do túnel demorou seis anos e empregou 13 000 trabalhadores, sendo as operações conduzidas simultaneamente dos dois lados. O empreiteiro principal foi a TransManche Link, um consórcio que englobava 10 empresas e 5 bancos de ambos os países. Foram usadas grandes máquinas, tunnel boring machine (TBM). Estas máquinas eram autênticas fábricas móveis que abriam o túnel, retiravam a terra e escoravam as paredes com cimento. Quase 4 milhões de metros cúbicos de cal foram escavados só do lado inglês; a maior parte foi deitada ao mar em Shakespeare Cliff, perto de Folkestone tendo com isso, roubado ao mar cerca de 360 000 m².

O Túnel da Mancha é constituído por 3 túneis paralelos, dois principais ferroviários e um menor, de acesso. Este túnel de acesso, que é servido por veículos pequenos, é ligado ao outros através de passagens transversais em intervalos regulares para permitir que os trabalhadores da manutenção tenham acesso aos túneis principais e para fornecer uma saída de emergência em caso de acidente.
Os passageiros e os veículos automóveis (ligeiros e pesados) são transportados por um serviço de comboios geridos pela companhia Eurotúnel O trajecto dura apenas 35 minutos

Dados Curiosos


Data da construção: 1994
Altura: 7,6
metros
Comprimento: 50,45 quilómetros
Profundidade: entre 40 a 75 metros abaixo do solo do mar.
Número de trabalhadores: 13.000
Tempo de construção: 6 anos
Material de construção: cimento armado e aço
Número de janelas: nenhuma
Volume de terras removidas: 4 milhões de metros cúbicos, só no lado inglês

2 comentários:

Anónimo disse...

o tunel da mancha e inorme

Anónimo disse...

Brutal...

Mais conhecimento através das viagens

Viagens em autocaravana
mais liberdade para conhecer.

viajantes